Moradias destinadas a grupos específicos de idosos podem oferecer maior conforto aos seus habitantes?

Há um dilema ético constantemente em discussão quando é abordada a segmentação por grupos em moradias institucionais: separar por sexo, por capacidade funcional e cognitiva ou por preferências, havendo sempre a consideração de se dar oportunidade para novos vínculos e a diversidade pode proporcionar experiências mais ricas. Parte-se do princípio da tolerância e da solidariedade, […]Read Post ›