Que lugares de uma moradia institucional para idosos devem ser qualificados para a construção de vínculos significativos?

Desde 2015, tenho produzido ensaios que abordam aspectos diversos sobre moradias para idosos, sempre considerando a unidade habitacional, o condomínio, o bairro e a cidade. Pesquiso sobre novas alternativas, visto que a longevidade está aumentando significativamente e a natalidade em queda determina que os cuidadores familiares já não estão disponíveis para oferecer a atenção necessária […]Read Post ›

Que estratégias podem ser adotadas quando a solidão sugere fraqueza e inutilidade?

Frequentemente encontramos idosos sentados sozinhos em praças públicas, observando o movimento e demonstrando estarem com muito tempo disponível. Atividades em duplas, tais como os jogos de tabuleiro, são opções nesses casos, geralmente encontradas em ambientes públicos que agregam várias mesas, sugerindo objetivos de distração que preenchem o tempo de modo significativo. Competir, mesmo sem premiações, […]Read Post ›

Até quando as moradias institucionais serão as últimas (e menos desejadas…) opções de conforto e segurança?

Ao pesquisar sobre espaços de residenciais para idosos, é possível encontrar soluções variadas funcionando em contextos diversos. Cada cultura apresenta modelos para acomodar seus velhos, introduzindo inovações tecnológicas e demonstrando modos diversos para integrá-los na comunidade. No Brasil tem havido iniciativas que procuram oferecer opções que atendam à crescente população de idosos cada vez mais […]Read Post ›

Temer as mudanças ao longo da vida prejudica escolhas mais adequadas de moradia na velhice?

Cada indivíduo constrói seu espaço privado imprimindo características próprias, mesmo quando compartilha com outros membros da família. Os hábitos, as preferências e as capacidades são sempre peculiares, caracterizando a heterogeneidade no processo de envelhecimento. De um modo geral, podemos escolher, mesmo com limites de recursos, como desejamos morar. Porém, essa liberdade nem sempre se reflete […]Read Post ›